Aprenda com o Blog

5 dicas de ouro para bombar nos artigos do LinkedIn

Dicas LinkedIn

“Utilizem o Publisher e priorizem artigos”. Se fôssemos resumir as valiosas dicas da Viveka von Rosen em apenas uma, certamente, seria esta. “Eles geram bem mais engajamento que as atualizações de status e fazem com que os usuários passem mais tempo em contato com o seu conteúdo”, argumenta.

Eleita pela Forbes como uma das 20 executivas mais influentes no meio digital e o co-fundadora da Vengresso – principal empresa mundial em vendas pelas mídias sociais –, ela lotou uma das salas do Boston Convention Center, onde entusiastas dos quatro cantos do planeta se aglomeraram para ouvi-la compartilhar seus ensinamentos.

Especialista em LinkedIn, ela palestrou hoje, no segundo dia do Inbound, um dos maiores eventos internacionais de Marketing Digital e que está reunindo 21.000 pessoas nos EUA. Suas orientações foram focadas na otimização de ações e indicadores, na maior rede social profissional do mundo.

A Converta na Web está acompanhando tudo de perto e anotou algumas bem práticas, no que diz respeito à otimização da redação de artigos, para ajudar você a alavancar também os seus resultados. Confira!

Dica #1: Escreva de 500 a 10.000 palavras

 

Artigos mais densos e com conteúdos relevantes tendem a ser (bem) mais úteis aos usuários. E, justamente por este motivo, envolvem e engajam melhor. Um mínimo de 500 palavras é o ideal recomendado. “Mas sabemos que artigos a partir de 3.000 têm mais compartilhamentos”, avisa a expert.

Mas lembre-se: quantidade não significa qualidade. Se o seu texto for apenas longo, sem informações que realmente atraiam a atenção do leitor, a estratégia não vai funcionar.

Dica #2: Utilize CTAs no seu texto

 

No meio digital, os famosos CTAs (calls-to-action, igualmente conhecidos como “chamados à ação”) são, comumente, associados a botões. Entretanto, o que muita gente esquece é que esses mesmos ‘estímulos’ podem ser trabalhados de forma textual e de maneira bastante eficiente.

A própria Viveka dá alguns exemplos. “Se você gostou deste post, compartilhe”, ensina ela. “Outro formato que tem resultados bem interessantes é colocar-se à disposição e convidar o usuário a entrar em contato, caso ele queira tirar alguma dúvida”, completa.

Dica #3: Adicione o seu contato e link para a sua agenda

 

Você escreveu um artigo super bacana, útil e relevante. Os leitores ficaram motivados a conhecer mais sobre o seu trabalho e até agendar uma reunião comercial. Ali, no entusiasmo do momento, é muito mais provável que eles marquem um horário contigo. Informar os seus contatos, então, é um modo de facilitar o acesso das pessoas a você e à sua empresa.

Disponibilizar um link direto para a sua agenda também consiste numa excelente estratégia para aumentar o volume de reuniões direcionadas. Através dele, o internauta pode verificar quais horários você tem disponíveis e agendar uma reunião, de forma direta, em tempo real e sem necessidade de intermediação. “As chances de contato se tornam muito maiores”, enfatiza.

Dica #4: Valha-se de um visual forte e de impacto

 

Obviamente, um texto bem redigido e de alto valor agregado será a parte primordial do seu artigo. Contudo, trabalhar fotografias, ilustrações e vídeos ajuda – e muito – a potencializar o engajamento.

O motivo é a própria Viveka quem explica. “Esta é uma técnica utilizada para envolver o leitor e fazê-lo ter vontade de acessar, novamente, o seu conteúdo. Utilizá-la faz toda a diferença”.

Dica #5: Convide seu prospect para participar com você

 

Quem é o decisor ou influenciador da empresa que você gostaria de atender? E quem personaliza o perfil do seu cliente ideal? Seus artigos podem ser escritos pensando nessas pessoas, a fim não apenas de ajudá-las, mas também de fazer relacionamento direto com elas.

Um conteúdo verdadeiramente útil auxiliará esses profissionais nos desafios que eles têm que encarar, em suas rotinas de trabalho. Ainda, você os estará munindo com conhecimento relevante e aplicável, o que eleva o valor percebido da sua marca.

Para abrir portas para um contato mais próximo, você pode procurá-los e informar que está escrevendo um post sobre um assunto que os interessa. E que, claro, gostaria de ouvi-los e até contar com a participação deles, no texto. Agradeça e, após publicar o material, marque-os no post e pergunte se eles topariam compartilhá-lo com suas respectivas conexões. “Além da possibilidade de conseguir uma conversa particular com potenciais clientes, você ainda ganha na divulgação do seu conteúdo e da sua empresa”, diz.

Em relação à periodicidade, Viveka destaca um mínimo de uma a duas publicações por mês. “Se as postagens puderem ocorrer uma vez por semana, será ótimo! Porém, para começar, um post mensal estaria de bom tamanho”, conclui.

 

Gestão mídias sociais

Sobre o Autor

Fernando Freitas é diretor-fundador da Converta na Web. Seus resultados diferenciados em Marketing Digital já lhe renderam a capa da revista “Pequenas Empresas & Grandes Negócios”. Profissional credenciado pela norte-americana HubSpot, criadora da Inbound Marketing Methodology e principal referência do mundo em conversão na web. Estrategista, consultor e professor de pós-graduação no segmento digital, com foco em conversão e negócios de alta performance.