Aprenda com o Blog

Como encontrar seu público-alvo na internet

Público-alvo na internet

É fundamental pensar sobre as pessoas com quem você precisa se conectar na internet. Seja nas mídias sociais, por meio do seu site ou em qualquer outro canal. Por mais que você entenda muito bem sobre o seu público-alvo, estar na web é adentrar um novo mundo de possibilidades.

No meio digital, é possível que a sua marca seja vista de uma maneira totalmente diferente daquela que você imaginava. Comumente, também acabam sendo encontradas novas possibilidades de público – o que é ótimo, pois você pode estar se conectando com um nicho no qual nunca havia pensado antes.

Ao contrário do que muita gente pensa, porém, encontrar seu público na internet não precisa ser um bicho de sete cabeças. Por isso, no post de hoje, vamos lhe ajudar a não cair nos “achismos”, na hora de buscar sua real audiência. Encontrá-la consiste no pontapé inicial para todas as suas estratégias digitais.

Por que definir meu público?

 

Todo planejamento de Marketing Digital de uma empresa ou marca tem como principal objetivo gerar conversões. Para que isso aconteça, existem diversas estratégias que compõem este planejamento.

É claro que cada uma das ações pensadas deve se basear num público específico. Um plano bem estruturado precisa de uma definição concreta sobre a audiência, pois é a partir dela que as estratégias são construídas.

Ou seja: não definir corretamente seu público na internet pode colocar todo o planejamento por água abaixo. Isto acontece, justamente, pelo fato de que ações focadas numa audiência que não condiz com seu negócio não terão o efeito esperado.

Criando conexões

Definir seu público na web é a melhor maneira de tentar se conectar com ele. Seja por meio de um conteúdo nas mídias sociais ou até a linguagem que você utiliza, nos posts do seu blog.

Por mais que tudo isso pareça apenas um detalhe, são nessas minúcias que a maioria das marcas peca – e onde você precisa focar! Criar um conteúdo mais direcionado e atender às expectativas do seu público é uma forma de atrair cada vez mais a atenção dele para a sua empresa.

Quando se tem uma linguagem adequada e um planejamento focado totalmente no usuário, as chances de aumentar a percepção da sua marca, criar vínculos e gerar conversões são muito maiores!

Encontrando o seu público

 

Para que você encontre o seu público-alvo na internet e entenda um pouco mais do comportamento dele na web, existem algumas maneiras bem eficientes de pesquisa.

Por meio de algumas ferramentas e iniciativas, é possível entender quais os tipos de usuários que mais interagem com a sua marca e alguns dados mais específicos sobre eles.

Com todas essas informações em mãos, será muito mais fácil focar seus esforços e obter resultados excepcionais.

O Facebook pode ser seu melhor amigo

 

Por meio do Facebook, é possível descobrir alguns dados interessantes sobre o público que interage com a sua marca. Na aba “Informações”, no topo da sua fan page, você encontra diversas opções a respeito das suas publicações, também podendo focar nos usuários em si, através do menu “Pessoas”.

Nesta aba, são exibidos dados demográficos dos seus usuários mais ativos, faixa etária, gênero e outros. Com isso, você terá uma ideia do nicho que está atingindo e pode confirmar hipóteses sobre o seu público-alvo na internet. Além de ser uma forma eficiente de reunir parâmetros para otimizar a gestão das suas mídias sociais.

Google Analytics: uma ferramenta indispensável

 

O Google Analytics é uma ferramenta muito importante. Principalmente, quando estamos falando em conhecer um determinado público. A partir dele, você pode descobrir um pouco mais sobre a audiência do seu site, com diversos dados sobre localização, gênero, idade e muitos outros indicadores.

Tendo isso em mãos, você pode traçar um comparativo com o público que mais está acessando o seu site e aquele que interage com a sua empresa, nas mídias sociais. Será que o público mais jovem é atraído para dentro do seu site? Qual é a faixa etária que mais converte?

Todas essas informações você encontra no Google Analytics, podendo ir até mais fundo e descobrir os interesses dos seus visitantes. Depois de assimilar todos esses números, reflita se o público que acessa o seu site, hoje, é realmente quem você gostaria que estivesse lá.

Será que a sua empresa está se posicionando da maneira correta, para atrair o público desejado? Chegou a hora de analisar esse tráfego e traçar estratégias que conversem com ele! Ou até mesmo mudar o foco, para atingir seus objetivos.

Interaja nas mídias sociais

 

Mais que dados concretos encontrados nas ferramentas, descubra mais sobre o seu público interagindo com ele nas mídias. Preste atenção aos comentários que a sua marca recebe e em cada like. Responda, analise os usuários que engajam com suas publicações! São alguns minutinhos que podem trazer ótimos insights.

No Instagram, por exemplo, você pode pesquisar perfis de usuários que têm os mesmos interesses da sua empresa e que podem ser potenciais consumidores. Use hashtags da sua área de atuação, encontre pessoas que também as utilizam e interaja com elas, para observar se você está conseguindo atrair os perfis de usuários que gostaria.

Após essas ações simples, você verá se está no caminho certo e, com certeza, descobrirá um pouco mais sobre o comportamento digital dos seus usuários. Seriam perfis com estilo mais conservador? Que tipos de publicações/páginas curtem? Em que horários estão mais ativos?

Crie pesquisas com frequência

 

Esta é uma maneira bem interessante de entender o que o seu público pensa sobre sua marca, além de conseguir uma série de informações valiosas. Alguém que está disposto a responder uma pesquisa sobre a sua empresa, sem dúvidas, é um usuário que poderá dizer muito sobre seu público, de maneira geral.

Crie perguntas que direcionem para os tipos de informações que você gostaria de saber. Seja específico e elabore questões que façam as pessoas responderem além do “sim” ou “não”.

Apenas tome cuidado para não criar um formulário cansativo. Seja breve e objetivo, para que o usuário complete o questionário até o fim. Para obter mais respostas, que tal disponibilizar alguma recompensa a quem responder todas as perguntas?

Quanto mais respostas, mais visões sobre determinado aspecto do seu público você terá. Sem dúvidas, esta é uma ferramenta bem importante e que deve ser utilizada periodicamente, a fim de entender como a sua marca está evoluindo, na visão dos consumidores.

Experimente também criar grupos focais assim que possível. Será uma outra forma de obter insights sobre seu público e criar uma definição ainda mais sólida a partir de dados qualitativos.

O que a concorrência está fazendo?

 

Tão importante quanto analisar informações em seus próprios canais, acompanhar a concorrência é uma ação indispensável. Dê uma olhada no estilo das publicações, na linguagem utilizada, nas interações do público. Tudo isso pode embasar a formação da identidade do seu público na internet.

De que maneira você pode ser diferente? Como fazer uma versão ainda melhor de estilos de postagem que estão funcionando com seu concorrente? Saber o que está rolando por aí abre os horizontes, para termos novas ideias e entendermos no que vale a pena investir e como podemos nos destacar no mercado.

Para finalizar… Crie personas!

 

Depois de ter pesquisado bastante sobre seu público, quais os tipos de pessoas que você está atraindo e, finalmente, entendido qual o seu target perfeito, chegou a hora de criar suas personas.

Esta é uma prática muito comum, no universo do Marketing Digital, pois consiste em ir além dos dados mais básicos de público-alvo e entender o usuário como alguém que tem personalidade, rotina, carreira e hábitos.

Assim que coleta informações relevantes como essas, você tem o poder de criar perfis muito mais consistentes. E, ao fazer isto, pode traçar estratégias ainda mais personalizadas e efetivas.

Se você ainda não está seguro, pense em (pelo menos) quatro tipos de pessoas que adquirem o seu produto ou serviço. Trace o perfil do cliente ideal. Compare com os dados que você encontrou nas ferramentas citadas acima, como Analytics e Facebook, e tente entendê-las um pouco melhor – a partir dos questionários sobre os quais comentamos ou investindo um tempinho para observá-las, nas mídias sociais.

Seguindo esses passos, tenho certeza de que você poderá traçar perfis bem completos e que poderão embasar de forma bem mais eficiente as suas estratégias digitais.

Pronto para planejar o Marketing Digital da sua empresa, totalmente focado no seu público-alvo e vender mais? Conte para a gente seus primeiros passos, aqui nos comentários!

 

Qualifique o tráfego do seu site

Sobre o Autor

Fernando Freitas é diretor-fundador da Converta na Web. Seus resultados diferenciados em Marketing Digital já lhe renderam a capa da revista “Pequenas Empresas & Grandes Negócios”. Profissional credenciado pela norte-americana HubSpot, criadora da Inbound Marketing Methodology e principal referência do mundo em conversão na web. Estrategista, consultor e professor de pós-graduação no segmento digital, com foco em conversão e negócios de alta performance.